• Início
  • Minas Gerais
  • Defensoria Pública de Minas Gerais inaugura quatro novas instalações no interior
Minas Gerais

Defensoria Pública de Minas Gerais inaugura quatro novas instalações no interior

Durante os dias 16 a 18 de abril, a Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG) irá inaugurar novas instalações de quatro unidades da instituição na região Centro-Oeste do estado e no Triângulo Mineiro. A iniciativa dá continuidade à política institucional de instalação de unidades melhor estruturadas e custeadas com recursos próprios.

As novas sedes estão localizadas próximas aos fóruns das comarcas, facilitando o acesso da população à Defensoria.  Com espaços mais amplos e salas individuais, oferecem maior privacidade para o atendimento dos assistidos e estrutura mais adequada para o trabalho dos defensores públicos, servidores e estagiários.

As solenidades de inauguração, que contarão com a presença da defensora pública-geral do Estado, Christiane Neves Procópio Malard, serão realizadas conforme o cronograma abaixo.

– Dores do Indaiá – 16/04 (segunda-feira) – 11h

Endereço: Praça Prefeito Mário Carneiro, n° 25, salas 2 e 3, Centro

– Patrocínio – 17/04 (terça-feira) – 11h

Endereço: Avenida Presidente Vargas, nº 975, Centro

– Coromandel – 17/04 (terça-feira) – 17h

Endereço: Rua Laurentino Ricardo da Silveira, nº 245, Centro

– Monte Alegre de Minas – 18/04 (quarta-feira) – 10h

Endereço: Avenida 16 de Setembro, nº 490, Centro

Defensoria

A Defensoria Pública de Minas Gerias é a instituição pública responsável por prestar assistência jurídica integral e gratuita aos cidadãos vulneráveis; além de promover a solução extrajudicial de conflitos, educação em direitos e conscientização da população sobre direitos humanos, cidadania e ordenamento jurídico.

A Defensoria Públicas está presente em 113, das 296 comarcas do Estado. Em 2017, realizou 2.161.389 (dois milhões, cento e sessenta um mil e trezentos e oitenta e nove) prestações jurídicas. Em 2018, foram 501.196 (quinhentos e um mil e cento e noventa e seis) prestações jurídicas nos meses de janeiro a março.

Notícias Relacionadas

Instituto de pesquisa teria testado notícia sobre estupro

Redação

Ação bilionária da tragédia de Mariana atrai interesse de ao menos 19 prefeituras

Redação

Com comitê na garagem da tia, Zema tem 84% de votos em sua cidade natal

Redação

Comentários no Facebook

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais